II SIPAT do CFC Viacentro

A Comissão Interna de Prevenção de Acidentes de Trabalho (CIPA) do CFC Viacentro promove a II Semana Interna de Prevenção de Acidentes de Trabalho (SIPAT).

O evento acontece de 21 a 26 de Outubro, proporcionando temas relacionados às vivências pessoais e profissionais da equipe de colaboradores.

A II SIPAT do CFC Viacentro proporciona os seguintes assuntos na programação: Orientações de Ergonomia com a Estagiária Valéria Miron; Palestra Atitudes que Geram Excelência com o Educador Empresarial Rafael Petroni; Prevenção e Combate a Incêndio com a Técnica de Segurança do Trabalho Liliane Fernandes.

Confira algumas fotos do evento

Fonte: Assessoria de Comunicação do CFC Viacentro

 

CFC Viacentro presente no evento que lançou Balada Segura em Santa Maria

O CFC Viacentro esteve presente no evento que lançou a Operação Balada Segura em Santa Maria, no dia 02 de Outubro, no Prédio João Fontoura Borges (SUCV), localizado na Rua Venâncio Aires nº 1934.

No evento, o Governo do Estado e a Prefeitura de Santa Maria assinaram o convênio para implantar a operação e na sequência, foi realizada uma blitz educativa. Santa Maria torna-se, assim, o 14° município a integrar a rede Balada Segura.

Além do prefeito Cezar Schirmer e secretários municipais, estavam presentes o presidente do Detran/RS, Leonardo Kauer, representantes do Comitê Estadual de Mobilização pela Segurança no Trânsito, Brigada Militar, Polícia Civil e Polícia Rodoviária Federal.

No dia 20 de agosto, jornalistas, educadores, representantes do comércio e organizações da sociedade civil do município foram recebidos por uma equipe do Detran/RS para uma manhã de imersão sobre a Balada Segura, seus objetivos e resultados já alcançados. O objetivo foi engajar a comunidade para amplificar o trabalho das blitze de fiscalização, contribuindo para construir uma cultura de paz no trânsito. Os agentes fiscalizadores municipais que atuarão nas blitze, juntamente com a Brigada Militar e o Detran/rS, passaram por treinamento, visando padronizar sua atuação com a dos demais municípios que compõem a rede da Balada.

Sobre a Balada Segura como política pública

A Balada Segura é uma parceria do Governo do Estado, por meio do Detran/RS, Brigada Militar, Polícia Civil e Comitê Estadual de Mobilização pela Segurança no Trânsito, com as Prefeituras Municipais. São blitze de fiscalização e educação que combatem, principalmente, a condução de veículos por motoristas alcoolizados. O álcool, segundo estimativas da ONU, está presente em quase metade dos acidentes com mortes.

A princípio focada exclusivamente no público jovem frequentador da noite, a Balada Segura é hoje um grande guarda-chuva que abrange ações de educação, comunicação e fiscalização voltadas aos mais diversos públicos, buscando a prevenção dos principais fatores de risco no trânsito. Iniciada como projeto piloto em Porto Alegre em 04 de fevereiro de 2011, a Balada Segura já acontece em outros doze municípios: Canoas, Alegrete, Ijuí, Esteio, Guaíba, Erechim, Passo Fundo, Rio Grande, Uruguaiana, Pelotas, Alvorada e Santana do Livramento. A meta do Detran/RS é integrar mais 9 municípios à rede da Balada Segura até o final do ano.

Confira algumas fotos do evento

Fonte: Assessoria de Comunicação do CFC Viacentro

 

CFC Viacentro apoia o movimento Outubro Rosa

        

Câncer de Mama: informações que podem salvar vidas

 

O que é câncer de mama?

O câncer de mama é o tipo de câncer mais comum nas mulheres no Brasil. Também pode ocorrer nos homens, mas é mais raro. É uma doença causada pela multiplicação anormal das células da mama, que forma um tumor maligno. O câncer de mama tem cura, se descoberto no início.

Como é possível descobrir a doença cedo?

Por meio da realização de alguns exames, principalmente do exame clínico das mamas e da mamografia. Toda mulher com 40 anos ou mais de idade deve realizar o exame clínico das mamas e mamografia anualmente. Além disso, toda mulher entre 50 e 69 anos deve fazer pelo menos uma mamografia mesmo que não tenha sintomas. O risco de câncer de mama aumenta com a idade e o diagnóstico precoce aumenta a chance de cura do câncer de mama.

O que é o exame clínico das mamas?

É o exame em que o médico ou enfermeiro observa e apalpa as mamas de sua paciente na busca de nódulos ou outras alterações.


O que é mamografia?

É uma radiografia das mamas, realizada por um equipamento chamado mamógrafo. É feita uma compressão das mamas para visualizar pequenas alterações o que permite descobrir o câncer de mama quando o tumor ainda é bem pequeno.

E as mulheres com história familiar de câncer de mama?

Uma parte delas tem herança genética e, por isso, é importante que procurem o médico para avaliar seu risco de desenvolver a doença. A mulher com mãe, irmã ou filha que teve câncer de mama antes dos 50 anos, ou câncer de ovário, deve, a partir dos 35 anos, realizar o exame clínico das mamas e a mamografia uma vez por ano.

Como a mulher pode perceber a doença?

O câncer de mama pode ser percebido pela mulher como um caroço, acompanhado ou não de dor. A pele da mama pode ficar vermelha ou parecida com uma casca de laranja ou surgirem alterações no bico do peito, o mamilo. Também podem aparecer pequenos caroços na região embaixo dos braços, nas axilas. Lembre-se de que nem sempre essas alterações são sinais de câncer de mama. Se observar alguma alteração a mulher deve procurar imediatamente uma unidade básica de saúde ou Ambulatório Saúde da Mulher.

 
O que mais a mulher pode fazer para se cuidar?

Existem ações que podem reduzir as chances de se ter várias doenças, inclusive o câncer:

- Tenha uma alimentação saudável e equilibrada com frutas, legumes e verduras;

- Procure controlar seu peso corporal, principalmente depois da menopausa;

- Pratique atividades físicas;

- Não fume;

- Não consuma bebidas alcoólicas;

- Converse com seu médico, caso você precise se submeter à reposição hormonal.

 

Fonte: Ass. de Comunicação do CFC Viacentro, com base nas orientações do Ministério da Saúde – Instituto Nacional do Câncer (INCA).

 

Facebook
ga('create', 'UA-18086703-2', 'auto'); ga('send', 'pageview');