MAIO AMARELO: RESPEITO E RESPONSABILIDADE, PRATIQUE NO TRÂNSITO

Você sabia que os acidentes de trânsito são ranqueados em primeiro lugar como principais responsáveis por mortes na faixa de 15 a 29 anos de idade, ficam em segundo lugar para a faixa de 5 a 14 anos, e em terceiro lugar para a faixa de 30 a 44 anos?

Um estudo da Organização Mundial da Saúde (OMS), contabilizou, em 2009, aproximadamente 1,3 milhão de mortes causadas por acidente de trânsito em 178 países. Estima-se que aproximadamente 50 milhões de pessoas tenham sobrevivido, no entanto apresentam alguma sequela.

O mais preocupante é que o número de acidentes de trânsito não para de subir. Acompanhamos diariamente nos noticiários o aumento na taxa de acidentes e mortes onde, grande parte dos casos, são causados por imprudência e até mesmo desinformação.

Você conhece o Maio Amarelo?

 O maio amarelo tem como propósito chamar a atenção da sociedade para o constante aumento na taxa de mortes e feridos no trânsito em todo o mundo.

O objetivo deste movimento é gerar, de forma coordenada, ações entre o Poder Público e a sociedade civil com a intenção de colocar em pauta assuntos relacionados à segurança no trânsito e, consequentemente, conscientizar toda a sociedade de que esta é uma pauta coletiva e de responsabilidade de todos.

O envolvimento de diversos segmentos como órgãos governamentais, empresas, entidades de classe, associações, federações e sociedade civil é de grande importância para a discussão do tema. Com isso, espera-se maior engajamento em ações de trânsito a fim de se propagar o conhecimento abordando toda a dimensão que a questão do trânsito exige.

Por que Maio Amarelo?

 A Organização das Nações Unidas decretou, em maio de 2011, a Década de Ação para Segurança no Trânsito e, com isso, o mês de maio se tornou referência mundial para o balanço das ações que o mundo inteiro realiza.

A cor amarela simboliza atenção e também a sinalização e advertência no trânsito e, por este motivo, foi escolhida como cor símbolo desta importante campanha.

Maio Amarelo em 2021

Neste ano, a campanha do Maio Amarelo coloca em debate as atitudes que têm faltado nos últimos tempos em diversos ambientes de convivência: o respeito e a responsabilidade.

Para José Aurelio Ramalho, diretor presidente do Observatório Nacional de Segurança, esta reflexão traz ao debate a atual situação que encontramos no trânsito, impaciência e intolerância.

Sabemos que este assunto é responsabilidade de todos e, por isso, precisamos analisar nossas ações no trânsito, seja como condutor ou pedestre. Apenas com ações coletivas e concretas poderemos melhorar os assustadores índices  relacionados aos acidentes de trânsito. Está em nossas mãos mudar esta situação.

Confira sobre a prorrogação dos prazos referentes ao exame toxicológico

No dia 27 de abril de 2021 foi publicada a Deliberação CONTRAN 222/2021. Esta normativa alterou algumas determinações referentes ao exame toxicológico.

Destacamos a seguir alguns pontos importantes dessa legislação:

1) O laboratório credenciado deverá inserir no RENACH, no prazo máximo de 24h, a informação da data e hora da coleta da amostra;

2) A realização do exame periódico é caracterizada pela coleta da amostra;

3) Até o dia 21 e dezembro de 2021, o prazo máximo para a inserção do resultado do exame toxicológico no RENACH será de 25 dias;

4) O exame toxicológico poderá ser utilizado para fins de renovação da CNH em até 90 dias após a data da coleta;

Confira a seguir os NOVOS prazos máximos para realização do exame toxicológico, de acordo com a validade da sua CNH:

WhatsApp Image 2021-04-29 at 18.18.42

Confira as modificações na validade da CNH, de acordo com a Lei Federal nº 14.071/2020

 

Com a iminência da entrada em vigor da Lei Federal nº 14.071/2020 que altera o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), alguns serviços de habilitação de condutores sofrerão alterações, dentre eles, o processo de renovação de exames.

Esta nova norma entrará em vigor a partir do dia 12/04/2021, alterando o prazo de validade do exame de aptidão física e mental, que passarão de 5 para até 10 anos, de acordo com a faixa etária do condutor.

Veja a seguir como ficarão os prazos de validade:

IDADE DO CONDUTOR

VALIDADE DO EXAME

Inferior a 50 anos

Até 10 anos

igual ou superior a 50 anos e menor que 70 anos

Até 5 anos

Igual ou superior a 70 anos

Até 3 anos

 

Para serviços em andamento, em que já tenha sido realizado exame médico antes da entrada em vigor da nova norma, a CNH terá validade conforme regramento vigente à época da realização do exame.

Para renovação da CNH, os condutores poderão optar pelo novo sistema de agendamento online do CFC Viacentro, que garante a você agilidade, evitando filas em todas as etapas do processo, sem custo adicional.

 

Agende a sua renovação online.

Educação no trânsito é missão do CFC Viacentro

Matéria  do Jornal do Comércio, veiculada na edição impressa do dia 19/12/2018

Sede tem energia gerada por painéis solares, reutiliza água da chuva e investe na separação do lixo /VIACENTRO/DIVULGAÇÃO/JC

Sede tem energia gerada por painéis solares, reutiliza água da chuva e investe na separação do lixo /VIACENTRO/DIVULGAÇÃO/JC

 

JC Carlos Villela

Com a vitória do Prêmio de Responsabilidade Social, o Centro de Formação de Condutores Viacentro Ltda (CFC Viacentro) comemorou em grande estilo seus 20 anos de atividade. Sediada em Santa Maria, a autoescola ministra aulas para obtenção de carteira de habilitação e oferece cursos especiais para profissionais do trânsito, como direção defensiva, emergência, transporte escolar, coletivo de passageiros e de cargas perigosas.

A empresa se destaca por adotar uma série de medidas de sustentabilidade, como a instalação de painéis fotovoltaicos para geração de energia e a reutilização de água da chuva para limpeza, além da separação do lixo reciclável, que é doado para a Associação Santamariense de Reciclagem (Asmar). Em 2017, o investimento do CFC Viacentro em projetos ambientais tanto internos quanto externos aumentou 20% em comparação a 2016. No mesmo período, o CFC Viacentro também aumentou os investimentos em ações sociais tanto na área pública quanto privada, e mais que dobrou o valor gasto com capacitação profissional.

Em conjunto com os instrutores que fazem parte do quadro de funcionários, o CFC Viacentro desenvolveu o Programa Viatrânsito, que oferece gratuitamente palestras sobre educação no trânsito em escolas, empresas e entidades civis e militares de Santa Maria e cidades da região, abordando temas como comportamento cidadão, direção defensiva e normas de segurança no trânsito. Em parceria com a administração municipal de Santa Maria, o CFC Viacentro também tem, entre seus projetos, a Escolinha do Trânsito, no qual crianças podem aprender sobre regras do trânsito em uma praça adotada pela empresa.

As atividades focadas para o público jovem também envolvem a realização de caminhadas e, recentemente, de um passeio ciclístico. Já para os adultos, as ações também ocorrem diretamente nas ruas, com os motoristas, através da realização de blitze para esclarecimentos sobre direção segura.

Para ver mais, acesse:

- Jornal do Comércio (https://www.jornaldocomercio.com/_conteudo/especiais/responsabilidade_social_2018/2018/12/660257-educacao-no-transito-e-missao-do-cfc-viacentro.html)

Investir em energia renovável é uma solução eficiente e sustentável

Seja em uma residência, em um pequeno negócio ou em uma grande empresa, a energia elétrica é sempre um dos custos mais pesados. Ao mesmo tempo, é claro, não se pode abrir mão do fornecimento de energia. Felizmente já existem alternativas que podem trazer economia e energia limpa, além de outras vantagens.

A rodoviária de Santa Maria, por exemplo, tem um movimento médio de oito mil pessoas por dia. A todo o momento, além de iluminação das áreas comuns, lanchonetes, guichês, cada e todo o tipo de equipamento (computadores, impressoras, televisões, geladeiras etc.) estão funcionando a pleno. Isso gera uma grande demanda por energia elétrica, mas será que tem como diminuir este peso no custo de operação?

Tem. E a solução foi encontrada graças à HCC Engenharia Elétrica, especializada em soluções completas de energia fotovoltaica. Para o projeto da rodoviária, foram instaladas 360 painéis no teto do prédio, capazes de gerar uma energia de 97 kWp. “Este volume é suficiente para, em dias de sol, atender toda a nossa demanda energética.”, explica Waldomiro Aita Júnior, gerente da rodoviária.

Por serem módulos fotovoltaicos, e portanto dependentes de energia solar, os painéis solares produzem energia apenas de dia. “Mesmo assim, a economia é bastante relevante”, salienta. “Aqui elas estão operando há três meses, e já sentimos uma economia de 15% na nossa conta mensal de energia. Pelos nossos cálculos, porém, ela deve chegar a 50% em breve”, conta.

À noite, e em dias nublados ou de chuva, a energia ainda é fornecida pela concessionária pública. “Nós temos uma demanda contratada, prevista em lei, mas a HCC fez o cálculo para determinar quanta energia precisávamos para que não excedêssemos nossa necessidade – e para que reduzisse o nosso custo ao máximo – nem faltasse energia”.

 Ainda mais vantagens

As vantagens da energia fotovoltaica, porém, vão além da questão financeira. “Nós sempre tivemos uma preocupação com a sustentabilidade. Exemplo disso é que reciclamos praticamente todo o nosso lixo, o que também gera renda para nossos funcionários. Eles mesmos vendem o material coletado e dividem o dinheiro entre si”, conta.

Antes de fechar o negócio com a HCC, porém, a administração da rodoviária fez uma pesquisa de mercado. “Mesmo na hora de economizar a gente tem que pensar na empresa. Pesquisamos e optamos pela HCC pela solução oferecida, pelo know-how e pelo atendimento. E não temos nada a reclamar. Tanto a equipe de instalação, a assessoria dos engenheiros, o acabamento dos painéis, tudo nota dez. Recomendamos muito o uso de energia fotovoltaica, e principalmente com a HCC”, destaca.

Outro cliente satisfeito da HCC Engenharia Elétrica é o CFC Viacentro. Um dos primeiros CFCs sustentáveis do Estado, com 240 painéis que fornecem a energia necessária para o funcionamento da auto-escola. “Nós sempre tivemos a sustentabilidade como um princípio, e o investimento em energia fotovoltaica está inserido neste contexto. O maior impacto da autossuficiência são os benefícios proporcionados pela geração de energia “limpa”, além de nos prepararmos para a chegada dos veículos elétricos, que se aproxima”, ressalta Rodimar Dall Agnol, Diretor Geral do CFC Viacentro.

O CFC Viacentro

O CFC Viacentro é um Centro de Formação de Condutores credenciado pelo Detran-RS com mais de 20 anos de atuação. Oferece serviços relacionados a Carteira Nacional de Habilitação (CNH), atendendo todas as categorias. Atualmente conta com mais de 100 profissionais, com uma estrutura física planejada, visando propiciar aos seus clientes e profissionais experiências positivas, investindo permanentemente em inovação e tecnologia.

Segundo Rodimar, a opção pela HCC foi uma decisão acertada desde o começo: “Já na primeira reunião a HCC demonstrou conhecimento técnico e clareza em suas propostas. Isto nos levou a optar por ela como parceira para a execução deste grande investimento. Recomendamos com segurança!”, finaliza.

Da utopia à especialização em soluções de energia solar

Com mais de dez anos de mercado, a HCC Engenharia Elétrica trabalha com energia renovável com foco na distribuição de energia elétrica e solar. “Quando começamos a atuar nesta área, em 2014, projetos de energia solar eram uma utopia no Brasil. Além dos custos altíssimos, havia muita dificuldade por causa da legislação”, conta Luiz Alberto Wagner Pinto Júnior, engenheiro responsável pela área de desenvolvimento de projetos da empresa.

Segundo ele, “na época eram projetos mais experimentais do que comerciais. Ao longo do tempo, porém, com um forte movimento mundial de limpeza da matriz energética, a implementação começou a ficar mais acessível. Além disso, coincidentemente, o custo da energia elétrica “tradicional” subiu bastante no Brasil”, ressalta.

Essa mudança de contexto trouxe um aumento exponencial à procura pela solução fotovoltaica. “Por então já estarmos há bastante tempo na área, já tínhamos um know-how que nos possibilitou crescer. Atualmente somos uma das maiores integradoras de energia do Brasil”, conta.

A HCC foi criada em Ibirubá (RS), mas hoje a empresa tem seu centro de operações em Santa Maria (RS) e há também uma filial em Juazeiro (BA). Ao longo do tempo já são mais de 100 projetos realizados em clientes dos mais variados portes e áreas de atuação.

Atualmente, a empresa está executando as duas maiores obras de energia solar do Rio Grande do Sul. “Uma delas, no município de São Gabriel, é uma instalação com capacidade 1,25 MW para atender a demanda da Rede de Supermercados Comercial 3 Letras. A outra, de 960 kW, está sendo instalada para fornecer energia para a rede de supermercados Guasso, em Santiago”, finaliza Luiz Alberto.

Fonte – Diário de Santa Maria

Matéria retirada do Jornal impresso, disponível na versão Flip do dia 04/08

Projeto Liberte-se

Visando incrementar os serviços ofertados a sociedade, o CFC Viacentro apresenta o projeto Liberte-se – aperfeiçoamento para condutores habilitados, que consiste em oferecer a nossos clientes um aprimoramento das habilidades de condução com aulas práticas e atendimento psicológico específico para as necessidades do público já habilitado.

Diferenciais

  • Possibilidade de realização das aulas em veículo automático
  • Aulas monitoradas, visando dar segurança e credibilidade ao processo
  • Possibilidade do veículo adentrar em espaços privados
  • Aconselhamento psicológico através de grupos terapêuticos

O objetivo é auxiliar os condutores a dirigir de maneira segura, resgatando a confiança na condução de veículos, ou aprimorando suas habilidades para atingimento da condução segura.

 A quem se destina ?

Condutores recém-habilitados, condutores que não realizam a algum tempo a prática de conduzir veículos,  com algum trauma ocasionado no trânsito ou até mesmo para aqueles oriundos de cidades com trânsito menos intenso.

Como funciona ?

A prática psicológica utilizará de um acolhimento com base psicanalítica e exercícios baseados no mindfulness, com objetivo de resgatar sua autoestima e autoconfiança. As práticas psicológicas ocorrerão em grupos terapêuticos abertos, com duração de no máximo 60 minutos e de 2 a 10 participantes.

Os alunos também podem optar apenas pela realização de aulas práticas, caso seja de seu interesse.

Precisa de mais informações ? Deixe sua mensagem abaixo que logo entraremos em contato.

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

Assunto

Sua mensagem

 

Atenção condutores !

Os motoristas que estourarem 20 pontos na CNH (Carteira Nacional de Habilitação) a partir desta quarta-feira terão de cumprir no mínimo seis meses de suspensão. A nova regra vale para infrações cometidas a partir do dia 1º de novembro de 2016.

Atualmente, um motorista fica suspenso no mínimo por um mês. O prazo máximo continuará sendo de 12 meses. O tempo total de suspensão depende do histórico do condutor e da gravidade das infrações cometidas.

Saiba mais em Diário de Santa Maria

Respeite o ciclista!

Capítulo III – DAS NORMAS GERAIS DE CIRCULAÇÃO E CONDUTA
Art. 29

O trânsito de veículos nas vias terrestres abertas à circulação obedecerá às seguintes normas:

I - a circulação far-se-á pelo lado direito da via, admitindo-se as exceções devidamente sinalizadas;

II - o condutor deverá guardar distância de segurança lateral e frontal entre o seu e os demais veículos, bem como em relação ao bordo da pista, considerando-se, no momento, a velocidade e as condições do local, da circulação, do veículo e as condições climáticas;

 

saiba mais em http://www.ctbdigital.com.br/?p=Artigos&artigo=29

Até que idade posso dirigir ?

O Código Brasileiro de Trânsito prevê o início da concessão para a direção de veículos a partir dos 18 anos, mas nada define para a aposentadoria dessa concessão.
Sabemos que à medida que passam os anos limitações vão aparecendo. Em média, a partir dos 60 anos começamos ter um declínio na execução de nossas atividades. Em alguns, esse declínio é lento e progressivo, em outros, temos acentuação muitas vezes brusca devida ao aparecimento de alguma doença.

A direção veicular não é um procedimento tão simples, fácil como se imagina. É na realidade bastante complexa. Inicialmente podemos afirmar que depende de três funções básicas:
1 – a cognitiva que envolve raciocínio, entendimento, memória, comunicação, atenção, concentração, vigília e respostas imediatas;
2 – a motora responsável pela liberdade de movimentos, rapidez, força, agilidade, coordenação;
3 – a sensório perceptiva é onde se relaciona sensibilidade tátil, visão, audição e percepção.

Saiba mais em http://www.abramet.com.br/conteudos/artigos/ate_que_idade_posso_dirigir/